Pesquisar

Turnover: O que é, como calcular e muito mais!

Turnover: O que é, como calcular e muito mais!

Turnover é um termo em inglês, que no âmbito corporativo, se refere à rotatividade de funcionários dentro de uma organização.

Este é, sem dúvida, um dos índices mais importantes do RH da sua empresa, por isso, hoje vamos explicar o que é, como calculá-lo, reduzi-lo e muito mais!

Depois que você seguir as dicas abaixo, verá uma grande mudança acontecer em sua empresa e também no seu financeiro, nos acompanha nesta leitura?

1. O que é Turnover?

Turnover é o nível de rotatividade de funcionários dentro da sua empresa, quanto maior o nível de demissões e admissões, maior o nível deste índice e isto, não é nada bom, uma vez que demissões interferem na produtividade geral da empresa e os custos do seu negócio sobem drasticamente. 

Vale aqui lhe informar que este não é um índice atual, ele já acompanha muitas empresas há muito tempo, mas só agora, com a valorização do capital humano, tem se tornado mais importante para tomada de decisões.

2. Por que acompanhar o índice de Turnover é tão importante?

Além de ser um índice muito importante para analisar o desempenho do seu RH e o crescimento da sua empresa, a rotatividade traz consequências tanto a curto, quanto a médio e longo prazo.

Por isso, é importante não só analisar os números, mas também contextualizá-los: se sua empresa está em expansão, certamente que o número de novos funcionários será alto, agora, se o número de demissões for alto, você precisa encontrar o que está influenciando esta ação.

Descuidar dos seus índices de turnover é um erro e você precisa evitá-lo, por exemplo, uma má gestão do nível de turnover, pode ocasionar a perda de pessoas e prejudicará a sua empresa com a falta de capital intelectual, domínio de rotinas e padrões internos.

3. Como calcular o Turnover da minha empresa?

Calcular este índice de forma correta é essencial para tomar as ações necessárias em sua empresa.

Por isso, vamos deixar a fórmula aqui:

Considere o número de profissionais admitidos, some ao número de rescindidos e divida por dois. Na sequência, divida o total pelo número de profissionais na empresa e multiplique por 100. 

Complicou? Na prática, é bem mais fácil! Só para exemplificar, imagine que sua empresa tenha admitido 5 funcionários e demitido 15 nesse período em um total de 50 profissionais, teríamos o seguinte cálculo:

5 + 15 / 2 = 10 / 50 = 0,2 * 100 = 20%.

Dessa maneira, encontramos a taxa de turnover de 20%.

Nós criamos uma planilha para que você mensure seus dados, assim você economizará tempo no processo e poderá focar muito mais nas decisões estratégicas, é só clicar aqui!

Realizando a análise dos números e suas circunstâncias, é possível tomar decisões estratégicas a fim de reduzir os dados negativos.

4. Qual é o índice de turnover aceitável?

Será que 20% de turnover, identificados acima, é um índice bom? 

De modo geral, para o índice ser considerado ideal, ele deve ser menor que 10% ao ano. 

Mas é importante ressaltar que esse índice pode alterar perante algumas situações. Mais uma vez, enfatizamos a necessidade de analisar os dados e suas circunstâncias.

5. Quanto mais baixa a taxa de turnover melhor?

Pelo que falamos até aqui, parece que sim, mas ter a menor taxa de turnover não é a resposta correta. 

Com uma taxa de turnover chegando a 0%, pode significar que sua empresa e equipe estão acomodadas, por exemplo.

Por isso é necessário sempre avaliar o motivo por trás dos números, veja bem, é normal que mercados diferentes tenham taxas distintas, é preciso avaliar o setor, região, e outras condições da empresa. 

É importante analisar não só o percentual em si, bem como também, avaliar o que pode estar causando o turnover, como já dissemos aqui.

6. Como realizar a análise de dados corretamente.

Não sabe por onde começar a análise dos seus dados, a fim de traçar um diagnóstico ideal? 

Fique tranquilo, pois com o intuito de te ajudar nesta análise, trouxemos algumas opções do que pode indicar que o nível de turnover está positivo:

  1. Interesse interno na renovação;
  2. Necessidade de novas ideias e conceitos;
  3. Busca por conhecimento ideal;
  4. Necessidade de contratar profissionais especializados;
  5. Mudanças culturais e estratégicas na empresa.

Em contrapartida, outras questões podem influenciar o turnover de forma negativa:

  1. Salários e benefícios abaixo do mercado;
  2. Cultura Organizacional Desalinhada;
  3. Falta de Plano de Carreira;
  4. Sobrecarga, fadiga física e emocional;
  5. Falta de Reconhecimento.

Para investigar de fato o que ocasiona o índice de turnover da sua empresa, é necessário realizar pesquisas e feedbacks frequentemente, como:

  1. Avaliação de Desempenho;
  2. Pesquisa de Clima Organizacional;
  3. Feedbacks de Conduta e Atividade;
  4. Entrevistas Demissionais;
  5. Reunião de Líderes.

Se a sua empresa não realiza estas ações, está mais que na hora de colocá-las em prática, e claro, não te deixaríamos na mão neste momento, por isso, nós criamos o Bonsenhor Mais, um programa de Consultoria Empresarial que também foca na gestão de pessoas.

7. Como evitar altos índices de turnover?

Ao passo que entendemos sua importância, descobrimos o índice de turnover da sua empresa, avaliamos e pesquisamos os motivos, também é importante evitar que o índice suba, correto?

1. O primeiro passo é logo na contratação!

A Psicóloga Kamilla Scremim Figueiredo Fanini (CRP 08/10032), especialista em recrutamento e seleção, explica o motivo:

 “É importante realizar um processo de recrutamento mais criterioso para que se possa buscar o candidato com o perfil mais adequado para determinada vaga.

Em algumas situações, por exemplo, não conseguimos encontrar ‘o candidato ideal’, porém nos deparamos com o ‘candidato potencial’, aquele que possui as condições mais próximas do que é esperado.

Assim, precisamos considerar o recrutamento como uma ferramenta estratégica dentro da empresa. No entanto, a empresa precisa se conhecer, saber quais são os seus valores, seus objetivos, sua cultura, como também, precisa saber o que se espera do candidato e o que ele vai fazer.

Quanto mais claro for essas definições, mais garantido será o sucesso do processo de recrutamento, ou seja, aumenta as chances de uma boa contratação e consequentemente reduz as possibilidades de turnover.”

2. Desenvolva um plano de cargos e salários!

Afinal, todo profissional deseja crescer em sua área e, se ele não encontrar essa chance dentro da sua empresa, vai procurar em outra!

3. Desenvolva um programa organizacional!

Ter uma empresa sólida, com cultura e valores firmados com os profissionais, pode evitar bullying, estresse e assédio, por exemplo. Dessa forma, os profissionais se sentem mais seguros e confortáveis em continuar na empresa.

4. Desenvolva sua equipe! 

A Psicóloga e Coach Josiane Sousa (CRP 08/15288), especialista em desenvolvimento humano, contou para nós que:

“A responsabilidade de aperfeiçoamento é individual, pois são conhecimentos que você levará para sua vida e a empresa enquanto sua contratante utilizará seu capital intelectual para sua atividade econômica.

Entretanto, a empresa tem parte desta responsabilidade, onde esta deve possuir políticas claras de crescimento organizacional ditando o que precisa fazer para estar em determinadas posições.

Como forma de incentivo, e também como oportunidade de ‘lapidar’ sua equipe, geralmente as empresas possuem uma verba disponível para treinamento, mas este valor é finito e o uso do mesmo deve ser para treinamentos estratégicos que vão contribuir para o crescimento da empresa.

Esta atitude corporativa certamente diminuirá o Turnover de sua empresa, afinal, trabalhar em uma empresa onde ela investe em seus funcionários, é extremamente atrativo e sua equipe pensará duas vezes antes de ‘lhe abandonar’.”

5. Tenha bons benefícios!

Os colaboradores se sentem mais valorizados quando notam que a empresa se preocupa com a sua qualidade de vida e bem-estar, além disso, abrir mão das vantagens é um ponto fortíssimo na hora de decidir se transferir de empresa.

6. Mantenha sua equipe motivada!

Para isso, você precisa conhecer sua equipe, entender como cada um se motiva e em seguida, realizar as devidas ações!

8. Está curioso para saber a taxa média de Turnover do Brasil e do mundo?

No mundo, o índice de turnover aumentou cerca de 38% nos últimos anos. Enquanto isso, no Brasil, esse número passa de 82% (antes mesmo da pandemia), sendo assim, o país com o maior índice de turnover do mundo, segundo uma pesquisa realizada pela Robert Half.

9. Recapitulando

É necessário realizar um cálculo para encontrar o índice de turnover da sua empresa, ou baixar e preencher esta planilha, posteriormente analisar e pesquisar o que ocasionou este índice, e definir ações estratégicas para diminuir ou manter o índice baixo. 

Bem como, é necessário realizar esta verificação todo mês, para não ter nenhuma surpresa no fim do ano!

10. Ainda não sabe se compensa fazer toda a análise do índice do turnover?

Que o turnover é uma variável de extrema importância, você já sabe! Mas, além de impactar em várias áreas internas e externas da sua empresa, pode gerar custos gigantescos, alguns deles são: 

  • Gastos no processo de recrutamento e seleção, ou então, com despesas com a capacitação de novos profissionais;
  • Gastos em exames admissionais e demissionais, bem como do custo de tempo do processo;
  • Perda de produtividade por falta de um profissional ou então pela falta de capacitação do novo profissional;
  • Acúmulo de atividades, assim, gerando sobrecarga e desmotivação da equipe;
  • Assim como pode gerar queda na reputação da empresa;
  • Perda de qualidade nos produtos e serviços;
  • Acúmulo de profissionais despreparados;
  • Declínio do capital intelectual da empresa e então, temos as vendas prejudicadas.
Ufa, parece que já lhe demos motivos suficientes para você aderir à prática de analisar seu índice de turnover, não?

Ficamos felizes que você chegou até aqui, sabemos que este assunto é delicado, por tanto, se ficou alguma dúvida, deixe nos comentários que nós te responderemos! E não esqueça de baixar sua planilha, é só clicar aqui!

Compartilhar:

Leia também:

Famosos:

Materiais facilitadores de rotina:

Planilha de Controle Financeiro

Planilha de Índice de Turnover

Busca rápida:

Pesquisar

Comece agora sua jornada de sucesso!

Nós realizamos todo o processo de abertura da sua empresa!

Conosco sua empresa fica não só regularizada, mas também com o mínimo de impostos garantido, isso porque realizamos o estudo tributário da sua empresa!

Aqui, nós cuidamos da burocracia, para você crescer economizando tempo e dinheiro!

Quem-Somos-Bonsenhor-Contabilidade-Contabilidade-para-Agronegocio-Contabilidade-para-COMEX-Contabilidade-ISO-9001 2 (1)